Transcomunicação Instrumental

Bem vindos!

Espaço destinado ao estudo, documentação e divulgação de pesquisas relacionadas à Transcomunicação Instrumental e a outros métodos.

Utilizaremos estes instrumentos na busca de parâmetros científicos, com o objetivo de elucidar e explicar a eternidade da consciência e a realidade existencial não materializada neste plano físico. O termo foi criado em 1980 pelo Físico alemão Erns Senkowsky e segundo os dicionários mais atualizados significa a comunicação com a verdade eterna ou comunicação transcendental.

O objeto da TCI

A TCI pesquisa através de experimentações e estudo, a transcomunicação entre os seres inteligentes que "vivem" no planeta Terra com os que existem em outras realidades. A alegada captação se dá através de aparelhos eletrônicos, como gravador, rádio, televisão, fax, telefone convencional, computador, celular, etc. e inclusive outros, especialmente projetados para tal.

Tipos de fenômenos pesquisados

- EVP (Eletronic Voice Phenomena), abreviatura em Inglês de fenômeno de voz eletrônica (Transcontatos): Alegada captação de vozes de outras realidades e/ou dimensionalidades, como as dos chamados "mortos" ou as de consciências que nunca viveram ou estiveram neste planeta ( alienígenas, etc.).

- Transimagens (Parapsicofotos, Transvídeos, etc.): São imagens captadas através de câmeras fotográficas e de vídeo, onde se utiliza várias técnicas, como a do Papel alumínio, TecNoir, água, etc.

Estaremos sempre interessados em pesquisas que tenham relação com novas formas de comunicação com o “Além”, desde que se possa de alguma forma, através de experiências sérias, colecionar e catalogar parâmetros que possam avaliar a existência de tais “fenômenos”.

Observação: As imagens captadas através da TCI necessitam, para a sua visualização e análise, de uma boa dose de paciência e percepção visual. Orienta-se que as visualizem num ambiente de pouca claridade, visto que algumas são diáfanas e/ou translúcidas.

- Translate /Traduzir:

Traduzir para ChinêsTraduzir para Espanholtraduzir para françêstraduzir para inglêstraduzir para alemãotraduzir para japonêsTraduzir para Russo

quinta-feira, 14 de junho de 2012

Tecnoir

TecNoir

Venho desenvolvendo uma técnica, que denomino TecNoir, da qual ainda não possuo um total controle. Supõe-se que a captação de tais imagens não depende em grande parte da capacidade do captador, mas sim da forma de existência que se disponibiliza a ser captada. Por se tratar de assunto que envolve fenômenos parapsicológicos e/ou espirituais e que ainda não possuem comprovação no campo meramente científico das Ciências ditas clássicas, examinemos tais imagens com um olhar crítico, mesmo assim, se pretendermos enxergar além do muro que aprisiona nossa capacidade sensorial em apenas 5 (cinco) sentidos, podemos considerar que tais vislumbres podem ser observados como sendo um tipo de comunicação (Transcomunicação Instrumental) onde seres que possuem consciência do existir, se manifestam, seja através de imagens,  de comunicação verbal ou de qualquer outro tipo de sinal inteligente. Supõe-se que tais seres existam, de alguma forma, em outras realidades espirituais e até mesmo físicas , nesta ou em outras dimensões.
Para se captar tais imagens, precisa-se de uma câmera simples, um ambiente escuro ou com pouca claridade, um certo conceito de vida que nos faça acreditar que existem formas de existir que estão além da nossa visão física ou concepção materialista e a vontade enorme de  contactar com tais existências. O resto fica por conta "deles", que na verdade, ao meu ver,se manifestam quando assim desejam. Esta técnica em desenvolvimento, necessita do captador uma grande dose de paciência e concentração e a intuição do momento a ser clicado. É isto exatamente que ainda não consigo explicar como funciona. Qual o desencadeador que provoca a intuição e o momento certo do clique? As tentativas são muitas, várias, antes de se conseguir uma imagem visível. Pode-se dizer que de cada 100, ou mais, se consegue uma imagem, que pode ser algo bem sutil ou bem delineada. Algumas imagens necessitam de tratamento que é feito através de editores de imagens, outras aparecem completamente nítidas e maravilhosas! Vejam a imagem abaixo, que eu denominei "O ROSTO DE ÍSIS".


Nenhum comentário:

Postar um comentário