Transcomunicação Instrumental

Bem vindos!

Espaço destinado ao estudo, documentação e divulgação de pesquisas relacionadas à Transcomunicação Instrumental e a outros métodos.

Utilizaremos estes instrumentos na busca de parâmetros científicos, com o objetivo de elucidar e explicar a eternidade da consciência e a realidade existencial não materializada neste plano físico. O termo foi criado em 1980 pelo Físico alemão Erns Senkowsky e segundo os dicionários mais atualizados significa a comunicação com a verdade eterna ou comunicação transcendental.

O objeto da TCI

A TCI pesquisa através de experimentações e estudo, a transcomunicação entre os seres inteligentes que "vivem" no planeta Terra com os que existem em outras realidades. A alegada captação se dá através de aparelhos eletrônicos, como gravador, rádio, televisão, fax, telefone convencional, computador, celular, etc. e inclusive outros, especialmente projetados para tal.

Tipos de fenômenos pesquisados

- EVP (Eletronic Voice Phenomena), abreviatura em Inglês de fenômeno de voz eletrônica (Transcontatos): Alegada captação de vozes de outras realidades e/ou dimensionalidades, como as dos chamados "mortos" ou as de consciências que nunca viveram ou estiveram neste planeta ( alienígenas, etc.).

- Transimagens (Parapsicofotos, Transvídeos, etc.): São imagens captadas através de câmeras fotográficas e de vídeo, onde se utiliza várias técnicas, como a do Papel alumínio, TecNoir, água, etc.

Estaremos sempre interessados em pesquisas que tenham relação com novas formas de comunicação com o “Além”, desde que se possa de alguma forma, através de experiências sérias, colecionar e catalogar parâmetros que possam avaliar a existência de tais “fenômenos”.

Observação: As imagens captadas através da TCI necessitam, para a sua visualização e análise, de uma boa dose de paciência e percepção visual. Orienta-se que as visualizem num ambiente de pouca claridade, visto que algumas são diáfanas e/ou translúcidas.


- Translate /Traduzir:

Traduzir para ChinêsTraduzir para Espanholtraduzir para françêstraduzir para inglêstraduzir para alemãotraduzir para japonêsTraduzir para Russo

sábado, 11 de agosto de 2012

Parapsicofotografias - Papel laminado

                     
Estas duas Parapsicofotografias (PPFs) ou supostas transfotos, foram captadas através da técnica do papel laminado. Após a captação, utilizamos o programa Fast Stone Viewer e o Paint Dot Net, dois Editores de imagem, para fazer as filtragens necessárias, como tonalização e limpeza (redução de ruído), com a finalidade de torná-las mais evidentes, sem no entanto cometer exageros, que viessem a suprimir ou acrescentar os registros contidos em sua originalidade.
Observa-se, ao meu ver, dois rostos, o primeiro trata-se de um Senhor de barba, onde se nota que a figura ainda não está completamente formada, pois se encontra esfumaçada e a segunda face parece ser de um jovem de cabelos na altura dos ombros, nariz bem desenhado, fino, lembrando o rosto dos anjos ou profetas. Nesta figura, percebe-se também a presença de barba e a boca entreaberta num quase sorriso e um tipo de máscara, como que pintada sobre seus olhos. Estas sugestões de leitura das imagens apresentadas podem não estar completamente corretas, visto que deve-se levar em conta os reflexos da luz ambiente sobre o material na hora do Clic. Não descartamos a Pareidolia, no entanto avaliamos que as imagens se encontram muito evidentes.

Obs: Sugerimos que estas PPFs sejam visualizadas em ambiente com pouca ou nenhuma iluminação, para que se possa observar os detalhes e nuances com maior nitidez.

4 comentários:

  1. Ianê, estou de acordo com a sua explicação mas, noto também alguns outros pormenores que me chamam a atenção, ele com cabelo tipo africano e "ela" com estrutura ossea crâneo e no ombro lado direito "dela" uma outra mini-figura.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, é verdade Jacob, como você é observador...não havia prestado atenção, tem razão. Obrigada

      Excluir
  2. Olá amiga, são impressionantes os destalhes!lindos trabalhos!

    ResponderExcluir
  3. Obrigada querido Beto. Aqui no Moradas há espaço para divulgar suas imagens também. Gostaria muito que você destacasse algumas (quatro)para que postássemos aqui. Aguardo sua resposta. Se for possível, encaminhe para o meu e-mail. Beijos

    ResponderExcluir